segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Abelhas Lambe olhos em muro - 10 Enxames.

Segue abaixo video  com 10 enxames de abelhas lambe olhos localizadas em um muro.


quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Polinizaçao

Polinização:

As flores não são simples ornamentos que embelezam as plantas, mas sim um engenhoso recurso da natureza destinado a promover a propagação das espécies vegetais. Atraídos pelo seu vivo colorido, pássaros e insetos tocam-nas, circulam de uma para outra e fazem o transporte do pólen, elemento necessário à fecundação das flores.


video


Muitas plantas produzem flores que segregam um líquido adocicado, o néctar, que atrai insetos que dele se alimentam. Ao sugar o néctar, o inseto esbarra nas anteras , elemento masculino da flor, e fica polvilhado de pólen que adere as partes de seu corpo. Na visita à outra flor, grãos de pólen caem e atingem o estigma, o elemento feminino da flor, provocando a sua fecundação. A este processo dá-se o nome de Polinização.
As células existentes no ovário da flor se desenvolvem, geram frutos e sementes que, germinando, fazem nascer novas plantas, garantindo a continuidade da vida vegetal, portanto, evidenciando a importância das abelhas.

Abelha Irai

MELIPONICULTURA - ABELHA IRAI
(Nannotrigona testaceicornis)
Texto: Waldemar Ribas Monteiro, conservacionista, membro do Departamento de Abelhas Indígenas da APACAME.

    Esta abelha é encontrada principalmente em zonas tropicais, mais especialmente, do norte do Paraná, no Brasil, até os Estados Unidos, na América do Norte.
    A origem do sei nome, como não poderia deixar de ser, vem do Tupi e significa: Ira = abelha, mel: Y = rio. O Rio do Mel, o Rio Doce.
    Abelha indígena pertencente a tribo dos Trigonini, constróem um berço real, ou seja, uma realeira na periferia dos favos de cria, para que venha nascer uma nova rainha.
    Na região nordeste é pelo nome popular de Camuengo, Mambuquinha, já no Sul é conhecida por “Jatai preta”, ou Jataí mosquito.
    Trata-se de uma abelha que mede em torno de 4mm de comprimento, é preta, possuindo pilosidade (pelos) grisalhos e asas esfumaçadas no terço apical( ponta das asas).
    Tem população considerada mediana. As colônias giram em torno de 2.000 a 3.000 elementos.
    Constróem seus ninhos nos locais mais variados, tal como muros de pedras, blocos de cimento, tijolos vazados e, com preferência, em ocos de árvores. É muito comum encontrá-las em regiões urbanas.
    É uma espécie tímida, de fácil manejo pois é muito mansa.
    Abelha de comportamento interessante, tem o trabalho de fechar a entrada da sua colônia ao cair da noite e abri-lo ao amanhecer. Esta entrada é construída  com cerume e consiste em um tubo curto de cor parda e , as vezes escuro, no qual encontramos sempre várias abelhas guardas circundando toda a circunferência do tubo.
    Seu ninho possui um exoinvólucro construído de  com um resina dura e as vezes perfurada para a entrada de ar e, também, usado para delimitar a área ocupada pelo ninho.
    Os favor têm a forma espiral e são construídos em grande quantidade. As células de cria são construídas em baterias, isto é, muitas células são preparadas simultaneamente pelas operárias e a rainha põe os ovos em seqüência.
    Os potes de alimento são pequenos, com cerca de 1,2cm de diâmetro e possui forma ovóide.
    Possui, também, um invólucro composto de várias camadas de cerume fino e claro circundando os favos para manter uma temperatura constante e ao mesmo tempo protege-las.
    Esta abelha produz grande quantidade de Própolis puro e viscoso que geralmente usa para defesa de seu ninho.
    Produz um mel de boa qualidade, porém em pequena quantidade.

domingo, 23 de outubro de 2011

Isca Pet - Futura transferencia de Abelha `` lambe olhos `` de garrafa pet.

CONVITE

Segue convite aos meliponicultores capixaba ou interessados em abelhas sem ferrão para transferência de um exame de abelhas lambe olhos de uma garrafa pet para uma caixa racional. A transferência acontecera no dia 29/10/2011 as 09:00 hs (sábado) se o tempo colaborar e claro. Fica aqui o convite, para participar e só postar sua presença neste blog. Garanto que será uma aula de conhecimento para todos.

domingo, 2 de outubro de 2011

Visita ao meliponario do amigo Marcelino - Domingos Martins

Visita feita no dia 01/10/11 ao meliponario do amigo mercelino no distrito de paraju - Municipio de Domingos Martins- ES, onde eu e o joao do meliponario capixaba ((http://meliponariocapixaba.blogspot.com/))  
tivemos contato direto com varias colmeias de abelhas sem ferrao da especie uruçu capixaba, mandaçai, jatai entre outras  que o mesmo mantem em seu meliponario.
Segue foto do amigo marcelino ao lado de uma de suas caixas estilizadas para abelha sem ferrao (ASF).










Joao ao lado da caixa gigante de uruçu capixaba lotadas de mel e propolis.


















Pontes de  mel do tamanho de um ovo de galinha da nossa abelha a ``urucu capixaba``. impressionante nao....                                    


Entradas de ninhos urucu capixaba